DICOTOMIAS

MEMÓRIAS, CONTOS E POESIA

sexta-feira, 9 de junho de 2017

A TUA CONFISSÃO





A TUA CONFISSÃO
(dedicado)

O Amor tem vários padrões
Alguns no topo sempre ficarão
O de mãe – É um legado sofrido
Transcende, transforma em ilusões
Acasos vividos - Sonhos de verão
Escassa felicidade - Tempo contido 

Pela tua mão eu estive aí
Pelo coração ficarei presente
Tua vida quis e ousei partilhar
Em te seguir, algo consegui
A saudade por estar ausente
Tristeza por não poder ficar!

Hélder Gonçalves

A Sala do Tempo Parado

A Sala do Tempo Parado
Só quem não viveu não tem histórias para contar

Seguidores